• 253 648 629
  • bombvieiraminho@gmail.com
    • campanha1

    Aniversário dos Bombeiros

    Na sequência de um grande incêndio urbano ocorrido em Vieira do Minho,  várias personalidades uniram esforços e decidiram criar um Corpo de Bombeiros Voluntários para prestar socorro a pessoas e bens. Este facto relevante da história dos Bombeiros Voluntários de Vieira do Minho, e do Concelho, aconteceu há precisamente 70 anos. Na vida desta Associação, como de resto em todas as organizações, houve momentos altos, facilmente recordados com saudade, e outros menos positivos, no entanto, aquilo que é hoje a Associação Humanitária de Bombeiros Voluntários de Vieira do Minho deve-se, em muito, às experiências do passado e ao empenho de todos aqueles que passaram por esta casa, a começar pelos fundadores, dirigentes, sócios beneméritos e honorários, e aos valentes voluntários que ao longo dos anos serviram os Bombeiros, a comunidade do concelho de Vieira do Minho e de algumas povoações dos concelhos vizinhos.

    Assim, é mais que justa a comemoração dos 70 anos da nossa Corporação, quanto mais não seja, como forma de gratidão para com aqueles que igualmente deram alma ao voluntariado com o lema “HONRA E SACRIFÍCIO” – todos estes companheiros serão justamente homenageados no Monumento do Bombeiro Voluntário e numa Missa a celebrar na Igreja Paroquial de Vieira do Minho.

    O dia 12 de Fevereiro de 1940, data oficial da fundação da Associação Humanitária de Bombeiros Voluntários de Vieira do Minho, é este ano comemorado no Domingo dia 14 de Fevereiro e mais um vez vai ser um dia festivo voltado para a comunidade local que começa com uma formatura geral em frente ao quartel, onde serão prestadas honras ao hastear das Bandeiras e à homenagem aos Bombeiros no Monumento a eles dedicado, seguindo-se a Missa e o desfile do Corpo Activo, acompanhado pela Fanfarra dos Bombeiros Voluntários Cabeceirenses, pelas ruas da vila, bem assim, dos veículos utilizados nesta tão bela e nobre missão de SERVIR. Porque se entende que a Praça do Município, designada por Praça Guilherme de Abreu e onde esteve sedeado durante mais de cinco décadas o antigo quartel de Bombeiros, é a sala de visitas da vila de Vieira do Minho, este ano, a recepção às entidades e aos convidados será realizada nesse local, por forma a dar mais visibilidade às comemorações envolvendo, assim, a própria comunidade vieirense que poderá acompanhar o desfile até ao quartel onde se seguirá uma Sessão Solene pública.

    Com a mesma respeitável idade da Associação temos o seu Estandarte, ainda em uso, que foi habilidosamente feito por mãos sábias de senhoras que se juntaram para fabricar o símbolo máximo dos Bombeiros de Vieira do Minho, que sempre marcou presença nos grandes momentos, conforme comprovam as condecorações que ostenta, como também nos momentos tristes da partida de companheiros. O velhinho Estandarte, que cumpriu fielmente o seu papel ao longo destes 70 anos, vai agora ser rendido por um novo, mas, terá o seu lugar garantido num local digno do quartel, junto da galeria fotográfica dos Bombeiros que se destacaram ao longo da vida da Corporação, numa harmonia que se entende que seja também uma honra para aqueles bravos Bombeiros ali retratados.

    Porque a globalização das tecnologias informáticas chegou também ao sector dos Bombeiros, passando a ser, de há algum tempo a esta parte, uma ferramenta de trabalho, de informação e de lazer, no ano das comemorações do septuagésimo aniversário da Associação Humanitária de Bombeiros Voluntários de Vieira do Minho criou-se a presente página da internet, a par de um filme com fotos que testemunham factos históricos da vida dos Bombeiros, que se pretende que seja uma janela do quartel aberta ao mundo, numa clara demonstração que a vida desta Associação e do Corpo de Bombeiros pode e deve ser partilhada por todos.

    Assim, com mais este aniversário, estamos todos de parabéns, os Bombeiros e a comunidade que pretendemos continuar a servir bem e com qualidade, pelo que é legítimo ansiarmos por melhores instalações, sendo que um novo quartel sede ou uma grande remodelação no actual seria uma óptima e merecida prenda de anos.